Cais Fluvial do Aeroporto de Linzhi

O Cais Fluvial do Aeroporto de Linzhi localiza-se no Tibete Oriental, a 3.000m de altitude, sendo o ponto de partida para o Tourism Planning Projects in Tibet Linzhi. Este é um conjunto de intervenções ao longo do rio Yarlung Tzangpo, numa extensão de 85Km. Aquelas contribuem para a requalificação e caracterização de um espaço de paisagem muito erosionada por degelos e desflorestação.

O edifício com 8m de largura desenvolve-se longitudinalmente ao longo de 98m. Nele integra-se um programa diversificado: i.s., guarda, loja, restaurante, bilheteira e zona de espera, e cais de embarque flutuante.

As inflexões do edifício definem os espaços exteriores, distribuindo a chegada dos visitantes, configurando a esplanada do restaurante, e prolongando-se sobre a água e antecipando a subida a bordo.

Uma estrutura em betão armado e metal, considerando o elevado índice sísmico existente, compatibiliza-se com muros em pedra e madeira que atestam as limitações construtivas no local e explora a aptidão dos artífices.

 

Local Yarlung Tzangpo Grand Canyon, Tibete, China

Arquitectura Catarina Almada Negreiros e Rita Almada Negreiros + Standardarchitecture (Pequim)

Colaboração  Ânia Abrantes + Huang Di + Sun Qingfeng + Sun Wei

Especialidades China Academy of Building Research (CABR), Pequim

Data 2008

Fotografia Hou Zhenghua