Lustre 177

O Lustre 177 é resposta ao pedido de uma composição escultórica para a entrada do empreendimento “Lisboa Lofts”.

Este projecto resulta da conversão da antiga fábrica de lâmpadas da Osram em habitação, tendo sido mantida a estética industrial do conjunto.

Surgiu a ideia de criar um enorme lustre neste espaço de 15m de pé direito. O lustre constitui-se enquanto elemento de iluminação dignificante, normalmente associado a uma entrada ou espaço nobre. Neste caso especifico, foi subvertido o modo como este objecto é materializado, remetendo-se para uma estética “funcional”.

O lustre, de 10m de altura por 2,5m de diâmetro, é realizado unicamente por componentes eléctricos: 1.400m de cabo eléctrico, 177 lâmpadas e 177 casquilhos. Cada um destes cabos, de diferentes comprimentos, parte de uma furação na base metálica, chumbada ao tecto, sendo instalada em cada extremo uma lâmpada. Este conjunto geométrico constitui-se enquanto forma, definindo uma enorme esfera de luz no espaço. 

 

Local Átrio dos “Lisboa Lofts”, Lisboa

Cliente Glen, Lda.

Autoria Rita Almada Negreiros

Construção Leonel & Bicho, Lda

Orçamento € 10.000

Data  2003

Fotografia FG+SG - Fotografia de Arquitectura